Social Icons

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Brasil e Equador deverão ter voo direto no 1º trimestre


 O governo equatoriano publicou em agosto um decreto que garante subsídio de 40% no preço dos combustíveis para companhias aéreas que tenham interesse em operar rotas para Brasil, Itália, México e às cidades norte-americanas de Chicago e Los Angeles. De acordo com a medida, que vale tanto para o transporte de passageiros quando ao de cargas, as empresas que vierem a operar os trechos terão de fazê-los ao menos com três voos semanais, todos diretos, e em aeronaves construídas a partir de 1990.

O primeiro destino a ser beneficiado com o subsídio será o Brasil, que, segundo o ministro coordenador da Produção do Equador, Santiago León, deverá receber a rota já no primeiro trimestre do ano que vem.

O diretor de Campanhas do ministério de Turismo do Equador, José Eduardo Vallejo, anunciou na Abav que a pasta criará uma campanha de publicidade com a aérea que vier a operar a frequência. O ministério equatoriano, no entanto, não revela com quais companhias vem mantendo negociações, apenas que no total são quatro as aéreas interessadas em todas as rotas.

Fonte: Panrotas

Nenhum comentário:

ShareThis

 

ATENÇÃO

Matérias, fotos, vídeos e todo o conteúdo particular tem todos os direitos reservados por seus respectivos donos. Se algum conteúdo deste blog é seu e você não quer que seja publicado, mande um email, que seu conteúdo será retirado do blog.

E-mail: arisdomar@hotmail.com