Social Icons

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Nordeste é o destino mais desejado pelos turistas brasileiros no fim de ano

As altas temperaturas duram praticamente o ano todo no balneário nordestino

A estação mais quente de todas finalmente chegou e com ela também se inicia um dos períodos mais aguardados durante o ano todo: as férias. Sejam escolares ou coletivas, o fato é que todos querem aproveitar esse momento de descanso, somado às festas de fim de ano e o calor intenso do verão. E não há lugar melhor para isso do que a beira-mar.

Segundo o último levantamento da pesquisa de “Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem”, divulgada pelo Ministério do Turismo (MTur), não são cachoeiras, rios, campos ou montanhas, muito menos, grandes metrópoles, o que o brasileiro realmente gosta, na hora de escolher o melhor destino turístico, é praia.

O Nordeste é quem mais se destaca na preferência dos viajantes e não é à toa: repleto de belíssimas praias, distribuídas em cerca de 3 mil quilômetros de extensão, o litoral nordestino é reconhecido mundialmente pelo cenário encantador e por oferecer a combinação perfeita entre sol, mar, sossego e diversão, tudo na medida certa, de acordo com o gosto do viajante.

Por isso, tem atraído não só os turistas da casa, como também, cada vez mais estrangeiros se rendem as suas paisagens paradisíacas, especialmente nessa época em que o país enfrenta um momento de instabilidade financeira que favorece a competitividade dos roteiros.

Cenário econômico estimula turismo nacional

O estudo revela que 8 em cada 10 brasileiros que pretendem viajar nos próximos meses, escolhem o território nacional como destino turístico. A crise que o país atravessa nos últimos anos e a alta do dólar são motivadores dessa tendência, que já é observada desde 2015.

Para Francisco Lobo, especialista no setor de milhas aéreas, o bolso é o fator decisivo para a escolha: “uma viagem internacional, atualmente, tem os custos muitos mais elevados do que qualquer rota doméstica, esse valor, que parecia mais brando antigamente, se acentua diante do quadro econômico brasileiro, e, parece um gasto exorbitante no orçamento familiar”.

Potencial brasileiro

Não é à toa que o Brasil já é um dos principais destinos de turistas. Suas cidades históricas, clima tropical e suas paisagens dignas de cartões postais são cenários perfeitos para as férias e atraem pessoas do mundo todo. Um estudo sobre as principais qualidades da região, com líderes de opinião e jornalistas de 15 países latino-americanos, realizado pelo Instituto Internacional de Pesquisas e Inteligência de mercado, o Ipsos, constatou o Brasil é considerado o melhor em atrativos naturais. Único país da América Latina a vencer dois quesitos, também ficou em primeiro lugar na categoria musical. O Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur) estima que cerca de 2,42 milhões de turistas estrangeiros visitem o país durante essa temporada de verão, 11% a mais que em 2015.

Praias nordestinas

O país é o lugar ideal tanto para quem busca divertimento quanto para quem quer paz e tranquilidade, mas, sobretudo, para os amantes de cidades praianas e altas temperaturas é um oásis. Com sua diversidade cultural e belezas naturais, o Nordeste lidera na intenção dos entrevistados – dados mostram que 44,4% pretendem eleger a região como destino das próximas viagens – seguido pelo Sudeste e pelo Sul. Rio Grande do Norte, Pernambuco e Ceará são alguns dos estados mais procurados pelos viajantes, com praias que já foram eleitas como melhor do mundo por mais de uma vez.

As altas temperaturas duram praticamente o ano todo no balneário nordestino:-são 9 estados que compõem o litoral famoso por suas praias de areia branca e água cristalina, geralmente cercada por coqueiros, vegetação local e diversidade de fauna marinha, que conquistam cada vez mais fãs do mundo todo.

O arquipélago de Fernando de Noronha, em Pernambuco, é um dos grandes responsáveis pela fama da região e por manter o país sempre no topo dos rankings mundiais quando se trata de um belo cenário. O local é conhecido por suas praias paradisíacas, consideradas as mais belas do Brasil, e a forte preservação ambiental.

Voos e rotas extras

O levantamento aponta que o avião deverá se manter como principal meio de deslocamento entre os viajantes nacionais que planejam visitar, respectivamente, as Regiões Nordeste, Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte. Em vista disso as principais companhias aéreas do país já planejam um reforço na malha doméstica, que passou o ano no vermelho.

A expectativa é otimista e já foram confirmados cerca de 8 mil voos extras entre as maiores operadoras do país, que irão funcionar de dezembro a março de 2017. Outras operadoras também estudam a necessidade de adequação da malha para a alta temporada. As rotas em destaque incluem conexões que fazem a ponte entre destinos nacionais e internacionais ao Nordeste do país.

Ano difícil

Viajar definitivamente não foi uma das prioridades dos brasileiros em 2016. Diante do cenário econômico conturbado a maioria das famílias optaram por cortar esse tipo de gasto. Essa tendência refletiu diretamente na demanda por passagens aéreas que resultou em um índice negativo no setor, com cerca de 15 meses de retração acumulados, segundo dados da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas).

Lobo afirma que, em vista disso: “As companhias aéreas apoiam suas expectativas na demanda sazonal da temporada de fim de ano para reverter o quadro desfavorável e alavancar as vendas, por isso, o consumidor deve ficar atento, porque nem sempre maior oferta significa preços mais baixos” – explica o diretor da empresa Cash Milhas.

Planejamento é fundamental

Mais de 80% das pessoas pretendem visitar destinos nacionais nessa temporada de verão, a maioria prefere locais com areia e mar para passear, mas boa parte prioriza fatores como cultura, clima e baixo custo na hora de decidir a viagem, por isso o especialista dá a dica: “É um momento oportuno para aqueles que possuem um saldo de pontos significativo acumulado nos programas de fidelidade, pois é possível converter em milhas aéreas e resgatar a passagem, assim o consumidor pode abater uma parte ou, até mesmo, garantir a viagem sem custo algum” – finaliza Lobo.


Fonte: Portal EcoViagem

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Conheça roteiros dos cinco destinos brasileiros tendência para 2017


O cenário paradisíaco de Jericoacoara garantiu à praia cearense o posto de destino número um da América do Sul e sua colocação entre os três melhores do mundo. O anúncio feito por uma publicação especializada em viagens apontou ainda outras três cidades nesta honrosa lista: Bonito (MS), Arraial do Cabo (RJ) e Cabo Frio (RJ). Todos foram relacionados no Top 10 da premiação Travelers’ Choice Destinos em Alta – América do Sul, do site Trip Advisor.

Já a revista Time, aponta Angra dos Reis (RJ) como um dos 50 destinos no mundo a serem desbravados em 2017 e elogiou a isenção de vistos a americanos que o país implementou durante o período dos Jogos Olímpicos. A Agência de Notícias do Turismo preparou algumas dicas para quem deseja conhecer esses destinos. Que tal se planejar para a próxima viagem?


JERICOACOARA (CE)

O vilarejo do município de Jijoca fica a 300 quilômetros de Fortaleza fica dentro do Parque Nacional de Jericoacoara. As atrações locais incluem a prática de esportes radicais nas praias e lagoas da região e também a contemplação de monumentos naturais como a Pedra Furada, principal cartão-postal de Jericoacoara. Há ainda passeios de canoa pelos belos manguezais do Rio Guriú, onde é possível observar cavalos-marinhos.


BONITO (MS)

O pequeno município é reconhecido internacionalmente como um dos mais belos destinos do mundo para amantes de ecoturismo. Um dos pontos mais procurados pelos visitantes é a Gruta do Lago Azul, localizada em uma área de preservação ambiental. Entre as atrações também estão as paisagens naturais, os mergulhos em rios de águas transparentes, cachoeiras, grutas e cavernas. Integra ainda o complexo turístico do Parque Nacional da Serra da Bodoquena.


ARRAIAL DO CABO (RJ)

A cerca de 150 quilômetros do Rio de Janeiro e 13 quilômetros de Cabo Frio, o município conta com praias de águas cristalinas, dunas de areia branca, lagoas e vegetação de restinga preservada. Há também opções de passeios de barco. Entre as badaladas cidades da Região dos Lagos, Arraial do Cabo conserva o clima pacato de cidade do interior.


CABO FRIO (RJ)

Algumas das praias mais procuradas por turistas que visitam a cidade são Peró, Conchas, Forte e Brava. O destino conta ainda com um polo de confecções de roupas de praia com diversas lojas reunidas na Rua do Biquíni. Já Bairro da Passagem, que já foi habitado pela família real portuguesa e por escravos na época da colonização, hoje leva um ar de história e boemia, com bares com música ao vivo e construções históricas.


ANGRA DOS REIS (RJ)

O destino conta com 365 ilhas e belas praias que podem ser percorridas por meio de passeios de lancha, escuna ou taxi-boat. De Angra também partem barcos para Ilha Grande, a maior ilha da baía, onde não há circulação de carros. Dentre as praias imperdíveis estão Lopes Mendes, Saco do Céu e Cachadaço.

Fonte: Ministério do Turismo




terça-feira, 6 de dezembro de 2016

São Luís na rota do turismo internacional




Uma das medidas mais marcantes nos últimos anos para o desenvolvimento do turismo na capital maranhense foi o convênio celebrado entre a Prefeitura de São Luís e o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), para divulgação do roteiro integrado São Luís, Alcântara e Barreirinhas em países da América Latina e Europa. O resultado deste trabalho pode ser mensurado pelo fluxo de turistas registrado no posto de informação da Secretaria Municipal de Turismo, localizado na praça Benedito Leite, entre janeiro e outubro de 2016.

Cerca de 10 mil pessoas passaram pelo posto este ano. Em busca de informações, os turistas preencheram planilhas de estatísticas que contribuirão para traçar políticas para o setor pela administração municipal. Segundo os números colhidos pela Secretaria Municipal de Turismo (Setur), 38,09% dos turistas que estiveram em São Luís neste período eram procedentes da França. Em segundo lugar, com percentual mais reduzido, em torno de 10%, foram pessoas vindas da Itália, seguidos por turistas da Alemanha e Argentina.

"Nós trabalhamos com emissores potenciais da Europa e países vizinhos. A melhora do poder aquisitivo dos países da América Latina provocou uma movimentação para o sul do Brasil. Então, passamos a desenvolver ações para atrair o turista destes países para São Luís", explica a secretária municipal de Turismo, Socorro Araújo.


ROTEIRO INTEGRADO

A divulgação do roteiro integrado São Luís, Alcântara e Barreirinhas foi iniciada no ano de 2015, quando a secretária Socorro Araújo e uma equipe da Setur estiveram na França, Peru, Argentina e Colômbia para realizar ações promocionais do destino turístico brasileiro junto a operadores e imprensa.

"Nos meses de junho e julho deste ano trouxemos para São Luís operadores e jornalistas franceses, peruanos, colombianos e argentinos para conhecerem nossos produtos. Eles permaneceram aqui durante uma semana, participando e vivenciando a cidade, fazendo oficinas, enfim, conhecendo a nossa realidade para que eles pudessem divulgar em seus países", relata Socorro Araújo.

Ainda segundo os números apurados no Posto de Informações Turísticas da Setur, julho foi o mês de maior fluxo de turistas registrado em São Luís em 2016. Dos quase 10 mil turistas que procuraram o posto em 10 meses, quase um quarto destes era procedente do estado de São Paulo, seguido do Rio de Janeiro e Minas Gerais.

Projetos como Turismo Educativo, Serenata Histórica, Férias Culturais, cortejo Tambores de São Luís, oficinas de comidas típicas, Sarau Histórico, Roteiro do reggae, entre outros, têm contribuindo para dar visibilidade ao roteiro integrado que tem São Luís como portal de entrada.

"Aqui em São Luís, a gente parece ter voltado ao passado com os casarões históricos que vocês possuem. A comida também é muito diferente, muito marcante. É uma cidade extremamente linda", reconheceu a jornalista da Argentina, Griselda Martinez, ao manter contato com o roteiro integrada pelos três destinos no Maranhão.


ROTA

Socorro Araújo confia na consolidação da Rota das Emoções, roteiro integrado pelo Maranhão, Ceará e Piauí, para projetar ainda mais São Luís como portal de entrada dos Lençóis Maranhenses. "A partir da parceria com a Embratur vivemos um novo tempo na política de turismo em São Luís. Hoje colocamos a cidade no roteiro internacional, superando equívocos de governos anteriores que descolavam a capital do roteiro dos lençóis maranhenses, por exemplo. Não se relacionava, até então, a proximidade que a cidade com título de patrimônio da Unesco tem com os Lençóis", reconhece.

Segundo a secretaria municipal de turismo, o reconhecimento de São Luís como patrimônio supera os demais atributos do destino turístico. "O turismo não é divulgado de uma hora para outra. Os destinos têm 10 ou 20 anos para se consolidarem enquanto destino. Nesta gestão começamos a ter um olhar sobre a importância de São Luís, cidade com título de patrimônio da humanidade", observa a secretária Socorro Araújo.

ShareThis

 

ATENÇÃO

Matérias, fotos, vídeos e todo o conteúdo particular tem todos os direitos reservados por seus respectivos donos. Se algum conteúdo deste blog é seu e você não quer que seja publicado, mande um email, que seu conteúdo será retirado do blog.

E-mail: arisdomar@hotmail.com