Social Icons

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Avenida Litorânea será primeira via pública do Nordeste com iluminação de LED



A Prefeitura de São Luís iniciou esta semana uma grande obra de iluminação pública na Avenida Litorânea. A via receberá um projeto pioneiro com lâmpadas de LED e equipamentos modernos de acompanhamento em tempo real. A ação faz parte do pacote de ações do Programa Avança São Luís, lançado pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior, e prevê o aperfeiçoamento dos serviços de infraestrutura da capital.

Com a execução dos serviços, a avenida será a primeira no ranking da região Nordeste a receber iluminação em LED e a maior via em extensão do Brasil a ganhar o sistema. A obra renovará todo o sistema de iluminação da via com equipamentos que estão no topo quando o assunto é modernidade e sustentabilidade.

Ao longo dos seis quilômetros de extensão serão instaladas 822 luminárias de LED, cada uma com 150 watts de potência, 144 projetores de dois mil watts direcionados para a faixa de praia, com reatores internos que proporcionam maior durabilidade contra a ação corrosiva de salitre, além de moderno sistema de telegestão, por meio do qual será possível o acompanhamento em tempo real da iluminação da via.

 “O sistema telegestão vai permitir que possamos controlar a intensidade da iluminação online, de acordo com a demanda da via. Ou seja, será possível aumentar a potência das luminárias em um determinado período da noite e diminui-las quando estiver amanhecendo. Isso permite maior controle do sistema de iluminação pública e significativa economia de energia. Além disso, será possível o monitoramento constante do sistema de iluminação da via”, explicou o secretário de Obras e Serviços Públicos, José Silveira.

No mês de julho, José Silveira e o superintendente de Iluminação Pública, Jean Hamon, estiveram em São Paulo para avaliar o sistema de iluminação da cidade, pioneira no país na utilização do LED nas vias públicas, além de visitarem fornecedores em busca do equipamento que se encaixasse diante da demanda de São Luís.

“A escolha do LED foi devido o resultado final que o material proporciona. Neste projeto nós diminuímos a quantidade de watts das luminárias, mas ganhamos melhor qualidade na iluminação, pelo fato do LED possuir maior eficiência luminosa. Esta tecnologia garante menor impacto no meio ambiente e maior vida útil dos equipamentos. As lâmpadas de LED possuem vida útil de até 16 anos, enquanto que as convencionais têm durabilidade de até dois anos”, assegurou Jean Hamon.

O projeto prevê também a instalação de cinco subestações de energia específica para iluminação pública, ao contrário do atual onde o transformador está ligado aos demais consumos da orla, a substituição de 82 postes danificados, instalação de 209 braços ornamentais estilo veleiro e a recuperação de cinco mil metros de calçamento com pedra portuguesa após a obra, garantindo a manutenção original do local.

A obra está orçada em R$ 10.254.400,97 e recebeu verba do Fundo Municipal de Iluminação Pública (Fumip). “Com esse novo projeto da Avenida Litorânea colocamos São Luís em um novo patamar, tornando-se uma referência no país em relação à qualidade da iluminação pública. O trabalho é oportuno, pois irá valorizar a orla marítima da cidade, um dos principais cartões postais. E o trabalho da gestão Edivaldo Holanda Junior busca valorizar a nossa cidade”, disse José Silveira.

Fonte: Prefeitura de São Luís

Nenhum comentário:

ShareThis

 

ATENÇÃO

Matérias, fotos, vídeos e todo o conteúdo particular tem todos os direitos reservados por seus respectivos donos. Se algum conteúdo deste blog é seu e você não quer que seja publicado, mande um email, que seu conteúdo será retirado do blog.

E-mail: arisdomar@hotmail.com