Social Icons

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Autorizado o início das obras na Fonte do Ribeirão


Foram assinadas, na tarde desta quinta-feira (10), pelo prefeito de São Luís, João Castelo, ordens de serviços que autorizam o início das obras na Fonte do Ribeirão, no valor de R$ 164.374,80, e em mais 48 ruas do Centro Histórico da capital maranhense com orçamento de cerca de R$ 1,5 milhão. As obras têm o objetivo de melhorar a infraestrutura histórica do local, assim como garantir a segurança de pedestres e a acessibilidade de pessoas com deficiência.

A revitalização da Fonte do Ribeirão consistirá na restauração da pintura, pedras, calçamento, fonte e iluminação artística do local, dando ênfase ao turismo noturno. A empresa responsável pela obra é a Atalaia Engenharia Ltda. Já a recuperação das ruas do Centro História será executada pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) em parceria com a empresa Lemos e Carvalho Ltda.
A obra da Fonte do Ribeirão é resultado de convênio firmado com o Governo Federal, via Ministério do Turismo, pelo programa “Apoio a Projetos de Infraestrutura Turística”, a partir de Emenda Constitucional do deputado federal Pinto Itamaraty (PSDB-MA) e será executada pela Secretaria Municipal de Turismo (Setur) e pela Fundação Municipal de Patrimônio Histórico (Fumph).

Fonte histórica

Construída em 1796, pelo governador Dom Fernando Antônio de Noronha, a Fonte do Ribeirão está situada entre as ruas dos Afogados e das Barrocas. Desde 1950, é tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Além da fonte, a Prefeitura ainda realizará melhorias em mais 48 ruas do Centro Histórico, entre elas as ruas Grande, da Paz, do Sol, 7 de setembro entre outras, além das Praças João Lisboa, Nauro Machado e outras. Nas vias, serão realizadas obras de demolição e reconstrução de meio-fio, sarjetas, bocas de lobo, limpeza e desobstrução de galerias, reordenamento de pedras no calçamento e ruas. A responsável pelas obras será a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp).

Aliam-se a estas ações serviços de urbanismo que já acontecem no Centro Histórico, considerado o cartão postal de São Luís, como melhoria de iluminação com troca de lampiões quebrados e instalação de novos, iluminação artística nas já restauradas Feira da Praia Grande e Pedra da Memória.

Ainda são realizadas lavagens de alta pressão em ruas e logradouros e a coleta de lixo foi intensificada com a criação de uma equipe especial para a área do Centro Histórico.

Fonte: Imirante

Nenhum comentário:

ShareThis

 

ATENÇÃO

Matérias, fotos, vídeos e todo o conteúdo particular tem todos os direitos reservados por seus respectivos donos. Se algum conteúdo deste blog é seu e você não quer que seja publicado, mande um email, que seu conteúdo será retirado do blog.

E-mail: arisdomar@hotmail.com