Social Icons

sábado, 12 de janeiro de 2013

Veja dicas para se adaptar à altitude de Bogotá


Bogotá é a terceira capital mais alta do mundo – fica 2640 acima do nível do mar – e a altitude faz com que o ar seja mais rarefeito. Por isso, ao chegar à cidade, a maioria das pessoas sente alguns incômodos causados pelo aumento das frequências respiratória e cardíaca. Veja a seguir algumas dicas para não desmaiar em plena reunião de negócios.

Dê tempo ao seu corpo
Deixe os passeios mais longos para o terceiro ou quarto dia. O corpo precisa de tempo para assimilar o novo ambiente. Portanto, nada de subir o Cerro Monserrate, a mais de 3 mil metros de altitude, mesmo que seja de funicular ou teleférico.

Preste atenção aos sintomas
Os efeitos da altitude sobre o organismo podem se prolongar pelos cinco primeiros dias. Os sintomas mais comuns são respiração curta, dor de cabeça (curta e prolongada), náusea, vômito, fadiga, tontura, insônia e perda de apetite. Se os incômodos persistirem além dos cinco dias, procure um médico.

Prepare-se para a viagem
Esportistas sentem menos os problemas de regiões altas, portanto, recomenda-se praticar atividades físicas, como caminhar ou correr, três a quatro semanas antes de viajar a Bogotá. Além disso, o turista de perfil atlético se adapta mais rápido à menor quantidade de ar.

Beba ou masque coca
Uma dica é beber chá de coca ou mesmo mascar as folhas da planta. Há séculos os andinos utilizam a coca como estimulante e também para controlar as sensações de sede, fome e frio. Folhas e chá contribuem para minimizar os efeitos da altitude, ou até acabar com eles. A bebida é amarga, enquanto a folha deixa os dentes com a coloração esverdeada e a boca suavemente adormecida.

Tenha alguns remédios à mão
Medicamentos também podem ajudar. A acetazolamida, comercializada como Diamox, e a dexametasona, contida no Decadron, aliviam os sintomas da altitude. A primeira ajuda na adaptação (maior metabolização de oxigênio), enquanto a segunda mascara os efeitos. Mas não deixe de consultar um médico antes de colocá-las na mala de viagem.

Cuidado com cigarro e bebida
Evite fumar, já que o cigarro atrapalha ainda mais na respiração, e beber álcool. Ao contrário do que se pensa, as bebidas destiladas ou fermentadas desidratam o corpo, provocando tontura e náuseas.

Veja como analisar sua saúde sob os efeitos da altitude
1 ponto: dor de cabeça, náusea ou perda de apetite, insônia e vertigem.
2 pontos: dor de cabeça resistente à aspirina e vômitos.
3 pontos: falta de ar quando em repouso, fadiga prolongada e ausência de urina.

Intensidade dos efeitos da altitude, de acordo com a pontuação:
De 1 a 3 pontos: leve. Aspirina ou paracetamol ajudam a amenizar o problema.
De 4 a 6 pontos: moderado. Aspirina e repouso minimizam os sintomas.
Mais de 6 pontos: grave. Procure um médico.

Fonte: Terra

Nenhum comentário:

ShareThis

 

ATENÇÃO

Matérias, fotos, vídeos e todo o conteúdo particular tem todos os direitos reservados por seus respectivos donos. Se algum conteúdo deste blog é seu e você não quer que seja publicado, mande um email, que seu conteúdo será retirado do blog.

E-mail: arisdomar@hotmail.com